English (United States) Español (España) Português (Portugal)




sábado, 18 de Novembro de 2017

Novas Ideias...
Novos Formatos
Mais Participação

O Congresso procurará inovar nos formatos privilegiando a interactividade e as sessões com carácter de trabalho. Distribuídas pelos dois dias, terá inúmeras sessões de dimensão variável, incluindo sessões plenárias, para acolher os mais de mil participantes, a exemplo das edições anteriores. Existirão eventos e exposições temáticas.

As sessões serão limitadas a 1h30 de duração, com forte foco na interactividade, com intervenções curtas, dinâmicas e multimédia, motivando o debate.

Os intervalos para café verão a duração aumentada para 1h00, para permitir uma maior interrelação e convívio entre os participantes na zona de exposição, que será na Sala de Alunos (que tem palco, e onde poderão ser apresentados spots mediáticos) e ao longo dos caminhos de circulação. Salienta-se que a zona do congresso está integrada no coração das operações do Hospital, com elevada exposição aos médicos. enfermeiros e visitantes, sendo as circulações comuns.

No dia 23 de Março existirá uma recepção para convidados estrangeiros e convidados, com forte presença ibérica e dos paíse de expressão portuguesa, às 18h00.

                 


24 e 25 Março 2011
PORTO Hospital de São João

O Hospital de São João, com o apoio da Faculdade de Medicina da Universidade do Porto e da respectiva Associação de Estudantes, do Instituto Português de Oncologia do Porto e da Secção Regional do Norte da Ordem dos Médicos, é o anfitrião da 3ª edição do Congresso do Sistema de Saúde Português a 24 e 25 de Março de 2011. Com o título “Falar Saúde” o congresso porá gente do país a falar para gente da saúde e do país, sendo esperados mais de mil participantes ao longo dos dois dias em que se multiplicarão as dezenas de sessões de trabalho, sobre os mais variados temas. Será certamente um momento para reavaliar o valor da saúde para a sociedade, e os congressistas, entre os quais personalidades de reconhecido mérito e inquestionável valia, dos mais diferentes sectores da sociedade e do estrangeiro, questionarão muitos dos conceitos dados como adquiridos, e redescobrirão muitas das aparentemente ignoradas dimensões da saúde.

Os temas económicos terão uma primazia significativa, para que se possa ir da Economia da Saúde para uma Economia Saudável e se encontrem caminhos em que a sustentabilidade não seja o primeiro escolho de qualquer política.

Mas a vida transcende muito a simples economia, e as questões da Humanização terão um lugar próprio e bem importante, numa globalidade do bem-estar e saúde, à escala humana, que não é concebível sem equilíbrios mentais, espirituais, religiosos e sociais profundos.

E sendo os equilíbrios humanos geradores das inquietações e tensões criadoras que se exprimem através da Cultura, verdadeira base das civilizações e essência distintiva da humanidade, os temas e as iniciativas culturais, explorando esse contraponto criador com a saúde e o bem-estar, povoarão os tempos do congresso numa explosão artística.

A modernidade lida hoje com o Mundo em tempo real e a informação ao correr dos dedos. Os temas comunicacionais são hoje cruciais. A informação não existe mais escondida, e as sociedades querem-se transparentes. A Comunicação ocupará também um lugar relevante agregando um conjunto de temas relacionados com os impactos mediáticos da saúde.

A cidade polariza o desenvolvimento social das sociedades, cada vez mais gregárias, mais concentradas, mais estruturadas e, possivelmente, mais solidárias. As fortíssimas ligações da Saúde com a Cidadania, quadro de relações sociais numa Europa em que nos integramos e num mundo global de que fazemos parte, constituem outra das temáticas que o congresso abordará e a pergunta ficará: Como podemos ter uma Saúde de Excelência numa excelente Sociedade Saudável?

O Congresso é promovido, a exemplo das edições anteriores, pela Associação Portuguesa de Engenharia e Gestão da Saúde, que, com o empenhamento dos anfitriões, tudo fará para vencer as naturais dificuldades e realizar no Porto um congresso de trabalho, útil, criativo e dinamizador de boas vontades.

Um conjunto de personalidades a integra uma Comissão Organizadora, que velará pela pluralidade, independência e relevância do programa de trabalhos, que, em conjunto com toda a informação, está disponível no website
www.falarsaude.net .

  


 

Privacidade  |  Condições de Utilização
Copyright 2010 by APEGSAUDE